Mulher Rica

No mundo dos investimentos, as maneiras como se investe são as mesmas para todas as pessoas… No entanto, os motivos para as mulheres se transformarem em investidoras são ligeiramente diferentes dos motivos dos homens.

Por meio de relatos pessoais, Kim apresenta seis razões consistentes para mulheres aprenderem a administrar o próprio dinheiro e investir. Ensina sobre fluxo de caixa, ativo, passivo e outras coisas que é preciso saber para ser uma mulher financeiramente independente.

Indicado para: mudar paradigma, adquirir mentalidade próspera, exercer protagonismo.

Sinopse

Hoje, mais do que nunca, nós, mulheres, não podemos mais depender de alguém, seja esse alguém um marido ou companheiro, nossos pais, o chefe ou o governo, para cuidar financeiramente de nós. As regras mudaram e já é hora de assumirmos o controle de nosso futuro financeiro. No mundo corporativo, um dos obstáculos que muitas mulheres enfrentam é o mito dos telhados de vidro. Este mito professa que, devido a nosso sexo, as mulheres só podem ascender até certo ponto da hierarquia corporativa.

Os mercados do mundo dos investimentos não querem saber se você é homem ou mulher, negro ou branco, tem um diploma ou parou de estudar no ensino médio. Os mercados só se interessam pelo quanto você é esperta em matéria de dinheiro. O segredo é a preparação e a experiência.

Quanto mais você for inteligente na escolha de seus investimentos, maior será sua chance de sucesso como investidora. Não existem limites ou barreiras para as mulheres que ingressam no mundo dos investimentos.

Este livro se refere a mulheres e investimentos, mas, na verdade, é sobre muito mais que isso. É sobre as mulheres assumirem o controle de suas vidas. É sobre dignidade. É sobre respeitar a si mesma.


Há diversos estudos científicos demonstrando que ler melhora a saúde. Então separe um tempo, escolha um lugar tranquilo e aproveite a leitura.

The Heroine’s Journey

Durante seu trabalho como terapeuta Maureen Murdock, uma estudante de Campbell, percebeu que havia algo em comum na insatisfação relatada pelas mulheres que ela atendia.

Essas mulheres haviam seguido a estereotipada jornada do herói e alcançado o sucesso acadêmico e financeiro, porém conviviam com uma sensação de vazio e desmembramento. Seguir a jornada do herói havia deixado essas mulheres sobrecarregadas, exaustas, sofrendo de doenças relacionadas ao estresse e imaginando formas de deixar esta jornada.

Baseando-se em mitos culturais, Murdock ilustra neste livro um modelo alternativo a Jornada do Herói, que assim como o de Campbell, passou a ser usado tanto para o desenvolvimento psicoespiritual quanto como um auxílio para escritores e roteiristas estruturarem suas narrativas.

Indicado para: estimular a intuição, cooperação, empatia, sensibilidade, autocuidado, criatividade e a valorização do sagrado feminino.

Sinopse

This book describes contemporary woman’s search for wholeness in a society in which she has been defined according to masculine values. Drawing upon cultural myths and fairy tales, ancient symbols and goddesses, and the dreams of contemporary women, Murdock illustrates the need for—and the reality of—feminine values in Western culture today.

Para saber sobre o assunto leia o livro (ainda sem tradução para português) ou o artigo Jornada da Heróina, o que é e como ela surgiu.


Há diversos estudos científicos demonstrando que ler melhora a saúde. Então separe um tempo, escolha um lugar tranquilo e aproveite a leitura.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support